Por aí: Duas más notícias sobre a Índia

(Pois é, nem bem pudemos comemorar as medidas tomadas pelo governo do estado de Orissa, novas informações chegam avisando que as perseguições dos extremistas hindus se intensificaram. Casas estão sendo queimadas, mulheres violentadas, pessoas mortas… E agora nem só os cristãos estão sendo perseguidos; muitos hindus que não colaboram com os radicais também acabam sendo incluídos no bolo. Politicamente, o caso deveria estar obtendo vulto internacional, mas esse silêncio da mídia não me causa espanto. Entretanto, nós, como cidadãos celestais que somos, continuemos em espírito de oração e forte clamor pelos nossos irmãos perseguidos. Eles precisam do nosso apoio espiritual, se é que somos dignos de lhes dar algum apoio.)

ÍNDIA, 10 de outubro  – Dois cristãos foram assassinados em 3 de outubro no distrito de Kandhamal, Estado de Orissa. Um terceiro homem não resistiu as aos ferimentos de machado na quarta-feira (1º de outubro). Leia a notícia completa no site Portas Abertas.

ÍNDIA, 14 de outubro – Na primeira semana de outubro, aproximadamente 400 casas foram queimadas ou destruídas nos distritos de Boudh e Kandhamal, Estado de Orissa. […] Os líderes da igreja local confirmaram a tragédia. Um deles, que não quis ser identificado, disse: “Primeiramente, o alvo deles era os cristãos. Mas, agora, até mesmo os hindus não estão sendo poupados. Todos os hindus que não se juntaram aos vândalos para atacar os cristãos estão sendo tratados do mesmo modo como os cristãos”. Leia a notícia completa no site Portas Abertas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s