F.A.Q. nº 5 – O que acontece quando sou salvo?

(Após esse breve intervalo, continuamos a seção F.A.Q. Temos mais dois estudos além desse; espero postá-los logo em seguida!)

Saiba mais sobre Jesus, o Cristianismo e a Biblia!A salvação, ao contrário do que muitos pensam, não é meramente uma mudança exterior que me faz deixar de ser um “ímpio” para me tornar um “crente”.

A salvação é uma completa transformação interior que Deus opera, e é isso que veremos agora com mais detalhes.

1. MEU PECADO É PERDOADO

Veja bem, eu disse meu pecado, e isso é algo muito mais abrangente do que meus pecados. A salvação não é apenas o perdão das minhas atitudes pecaminosas, dos meus erros cometidos. Muito mais do que isso, a salvação é uma verdadeira carta de alforria que me liberta de TODO o meu passado. Tudo o que eu fiz antes está apagado, esquecido, jogado nas profundezas do mar, ao ponto de Deus não permitir mais nenhuma condenação sobre a minha vida. Isso só é possível em Jesus e por causa de Jesus. Só o derramamento do seu sangue pode nos purificar de todo o pecado. É por isso que a Bíblia diz: “Não existe mais nenhuma condenação para aqueles que estão em Cristo Jesus”.

2. EXPERIMENTO UM “NOVO NASCIMENTO”

A Bíblia é clara e detalhada ao nos falar sobre “nascer de novo”. Isso mereceria um estudo mais abrangente, mas fiquemos com alguns pontos aqui:

a) Pelo nosso nascimento carnal, somos todos parte da “raça de Adão”, pecadora, degenerada e distante de Deus.

b) Uma simples mudança exterior pode parecer suficiente para as pessoas, mas não resolve o problema de que a nossa natureza continua distante do Criador.

c) O novo nascimento é justamente uma ação sobrenatural e miraculosa de Deus, que nos dá uma nova natureza, a natureza divina.

d) O novo nascimento não é como o primeiro; o primeiro é carnal e terreno, o segundo é celeste e espiritual. Pelo primeiro nascimento, ganhamos a vida humana; pelo novo nascimento, ganhamos a vida de Deus e o Espírito Santo passa a habitar em nós.

e) Quando nascemos de novo, nos tornamos criaturas celestiais, pertencentes à “raça de Cristo”. Não é apenas uma mudança exterior, é uma realidade de vida completamente nova disponível para nós!

f) A Bíblia diz claramente que ninguém poderá ver o Reino de Deus se não passar por uma experiência de novo nascimento.

3. PASSO A FAZER PARTE DE UMA NOVA FAMÍLIA

Isso é claro: se você nasceu de novo, tem uma nova natureza, uma nova identidade e uma nova filiação. É o novo nascimento que nos torna filhos de Deus. Antes éramos suas criaturas, mas agora somos Seus filhos amados, com direito a usar Seu nome, desfrutar de Sua mesa e participar de Sua herança!

Na Bíblia, essa nova família se chama igreja. A palavra “igreja” vem do grego ekklésia, que significa “reunião”, mas originalmente quer dizer “chamados para fora”. A Igreja é a comunidade fundada por Jesus Cristo da qual fazem parte todos aqueles que foram salvos e nasceram de novo. Mas sobre isso falaremos melhor no próximo F.A.Q.

Até lá!

Em Cristo Jesus, nosso Salvador,
Vinícius Pimentel

Anúncios

F.A.Q. nº 4 – Como faço para obter a salvação?

Saiba mais sobre Jesus, o Cristianismo e a Biblia!Ué, e eu preciso de salvação?
Claro que sim, todos nós precisamos. O homem, por nascimento, é uma criatura terrena, carnal e pecadora. Deus, por sua vez, é celestial, espiritual e absolutamente santo.

Assim, o homem precisa ser salvo – de si mesmo, de sua condição natural e do mundo – para que possa voltar à sua comunhão original com Deus. Mas calma! Este post traz boas notícias.

1. A SALVAÇÃO É GRATUITA

Quantas vezes você tem ouvido que precisa fazer isso ou que tem que alcançar aquilo para obter a salvação? Caridade, boas obras, meditação, autoflagelação… Isso é bobagem! Uma vez que Jesus Cristo morreu e entregou sua vida em meu lugar, nada mais precisa ser feito para a minha salvação!

Surpreso em ouvir isso? Tenho certeza que sim. Todas as religiões propõem algum esforço do homem para que seja salvo. As religiões e a filosofia (eu me atreveria a incluir a ciência também) são o mais elevado esforço do homem para alcançar Deus. Cristo é o mais elevado esforço de Deus para alcançar o homem. Esqueça suas tentativas; elas são inúteis. Aceite a salvação como um presente que Deus oferece a você.

(Leia o post “O Evangelho das crianças” para entender melhor)

2. A SALVAÇÃO É RECEBIDA PELA FÉ EM JESUS CRISTO

Embora Deus nos ofereça a salvação absolutamente de graça, o único caminho para recebê-la é tendo fé em seu Filho, Jesus Cristo. Entenda, isto não é uma condição para a salvação, como os opositores do Cristianismo gostam de dizer. Mas pense comigo: como você pode aceitar um presente de uma pessoa, se você não acredita que ela exista? Não parece sem sentido? Você só pode receber o presente de Deus da salvação se acreditar (a Bíblia diz ter fé) que o Pai enviou seu Filho Jesus para lhe trazer tal presente através de sua vida, morte e ressurreição. É por isso que a Palavra de Deus ensina: “pela graça vocês são salvos, através da fé. Mas isto não vem de vocês, é um presente de Deus”.

3. A FÉ QUE NOS LEVA À SALVAÇÃO PRECISA SER CONFESSADA PUBLICAMENTE

Outra condição??? Obviamente, não. Eu insisto com você em dizer que a salvação é gratuita e incondicional. Como a Bíblia compara isto com um “presente de Deus”, vamos ficar com essa metáfora: ter fé é estender a mão e pegar o presente; confessar a fé é abrir o presente. Ora, é verdade que muitos de nós somos pessoas com problemas para demonstrar sentimentos. Mas como poderia ser aceitável ao homem receber algo tão grandioso, que o tira de uma vida de derrota e o conduz à vida eterna, e ainda assim permanecer calado? A verdadeira fé não é simplesmente um sentimento de crença guardado em nosso coração. A fé Cristã genuína é declarada com coragem, firmeza e alegria; afinal, Jesus Cristo vive! Você não acha que isso seja um motivo para sair na rua, gritando, cantando e dançando?

Agora, responda-me: você quer ser salvo? Desista das suas bobas tentativas de fazer isso sozinho. Deus tem a solução; a solução tem nome, e é Jesus. Ele pode te salvar. Ele já fez tudo para te salvar. Tudo o que resta a você é aceitar alegremente este presente, crendo e confessando Jesus como Senhor e Salvador de sua vida. Afinal, é isso mesmo que ele é.

Toda alegria seja dada ao Rei Jesus,
nosso lindo, maravilhoso, amado Salvador.

nEle,
Vinícius Pimentel

F.A.Q. nº 3 – Quem é Jesus Cristo?

Saiba mais sobre Jesus, o Cristianismo e a Biblia!No último F.A.Q., vimos que todo o plano de Deus para nos tirar do lamaçal em que nós mesmos nos metemos gira em torno de Jesus Cristo. Mas quem é ele?

Que figura é essa, tão maravilhosa a ponto de seu nome continuar sendo a fonte de vida e esperança para uma humanidade perdida e sem solução? Este pequeno texto é totalmente incapaz de responder tal pergunta de forma satisfatória, mas, apenas como ponto de partida, destacamos os seguintes aspectos:

1. É O FILHO DE DEUS EM FORMA HUMANA

Já falamos sobre isso no F.A.Q. anterior, mas não custa repetir e aprofundar um pouco essa verdade sublime. Jesus Cristo, sendo Deus, decidiu assumir forma humana por amor e compaixão de cada um de nós. Sim, Jesus é Deus; e, sim, Jesus é homem. Pode parecer louco, ilógico, absurdo, ridículo pra você. Pra mim, é a coisa mais maravilhosa que eu já ouvi na vida, é a razão, o motivo e a inspiração pela qual eu acordo todas as manhãs.

Como nos ensinam as lindas palavras de Max Lucado: “Se Jesus fosse apenas Deus, Ele poderia nos criar, mas não nos compreender. Um Jesus apenas homem poderia nos amar, mas jamais nos salvar. E um Jesus que é Deus-homem? Perto o suficiente para ser tocado. Forte o suficiente para confiarmos. O Salvador que está bem ao nosso lado.”

2. É O SALVADOR DA HUMANIDADE

Certamente você já entendeu que a humanidade, por sua própria escolha, tomou caminhos totalmente contrários ao que Deus havia planejado, e isso resultou em separação entre a criação e seu Criador. Para que essa separação fosse desfeita e a paz fosse restabelecida, porém, era necessário um reconciliador e um sacrifício substituto. Jesus realizou essa dupla função. Ao morrer na cruz nas colinas do Calvário, ele estava oferecendo sua vida, seu precioso sangue como justo pagamento pelos pecados de todo o mundo. É isso que a Bíblia quer dizer na passagem “e o sangue do seu Filho nos purifica de todo o pecado”. Quando essa condição é finalmente satisfeita, então Jesus abre o caminho para que cada homem volte a andar de mãos dadas com o Pai.

3. É O MODELO A SER IMITADO

Depois de vir ao mundo e entregar sua vida como sacrifício substitutivo pelos nossos pecados, Jesus se torna também o padrão de vida e de caráter para todo aquele que nele crê. Não basta conhecer a verdade de que Jesus Cristo sara, liberta, salva e transforma; é preciso experimentar essa verdade em nossas próprias vidas, senão nada do que estamos falando faria sentido. A Bíblia diz justamente que a pessoa que quer seguir Jesus, precisa viver como ele viveu. Tarefa impossível? Seria, a menos que o próprio Jesus se oferecesse para viver essa relidade em nós e através de nós. E é justamente isso que ele nos promete:

“E eis que estou convosco, todos os dias, até a consumação do século.”

Que o amor de Deus, a graça salvífica de Jesus Cristo e as consolações do Espírito Santo estejam com todos!
Vinícius Pimentel

F.A.Q. nº 2 – Deus faz alguma coisa para mudar o quadro da humanidade?

Saiba mais sobre Jesus, o Cristianismo e a Biblia!Apesar da situação em que se encontra a humanidade, Deus não fica inerte, parado, assistindo a sua criação se autodestruir.

É óbvio que o Deus Onisciente e Todo-Poderoso toma as suas providências para tirar o homem do seu estado degenerado! E estas providências giram em torno de um único nome: Jesus.

1. O FILHO DE DEUS ASSUME FORMA HUMANA

Deus não desiste de sua criação. Sendo perfeito e íntegro, Ele jamais criaria o ser humano para vê-lo destruir-se. Seu amor pelo homem é tão grande e significativo que, para colocá-lo de novo dentro da rota, Deus envia seu Filho, seu único Filho ao mundo, para corrigir os maus caminhos da humanidade e restaurar a criação ao seu propósito original. O nascimento de Jesus é o fato mais relevante de toda a história humana, pois representa a única esperança de vida para cada um de nós.

2. O FILHO DE DEUS MORRE NUMA CRUZ

Mas essa declaração maravilhosa do amor de Deus, ao trazer seu Filho ao mundo, não era suficiente para resolver aquele problema de que falamos antes, o pecado. O pecado está entranhado na natureza humana desde a queda, de modo que todo homem nasce pecador e não pode fazer nada para alterar tal condição. Nenhum esforço nosso tem poder para mudar essa verdade podre: o pecado mora dentro de nós. Só que, sabendo disso, Jesus Cristo aceita o terrível castigo de passar por uma morte de cruz, a mais dolorosa e humilhante pena aplicada pelos romanos naquele tempo, como única forma de tirar a humanidade do lamaçal do pecado.

(Para saber por que Jesus teve que suportar tamanho castigo, espere o post de amanhã!)

3. O FILHO DE DEUS VENCE A MORTE E ASSUME SUA POSIÇÃO GLORIOSA

A Bíblia diz que o último inimigo a ser vencido era a morte. Essa vitória aconteceu justamente ali, com Jesus. Crucificado, morto e sepultado, a Bíblia é enfática ao registrar que, três dias depois, Jesus ressuscitou. Essa ressurreição é literal! O Filho de Deus aceitou temporariamente suportar as dores da condição humana e experimentou até mesmo a morte, para em seguida conquistar a vida eterna e torná-la disponível para todos os homens. Depois, Jesus subiu aos céus, e está lá hoje e para sempre, assentado no mais alto trono, como Rei dos Reis e Senhor dos Senhores.

Veja que Deus maravilhoso! Insatisfeito com os rumos que sua criação tomara, o Pai tratou de enviar seu Filho para cumprir uma tríplice missão de restauração do homem:

1 – Ao nascer em forma humana, Jesus expressou o amor de Deus pelo homem;

2 – Ao morrer numa cruz, Jesus pagou pelos nosso pecado e nos tornou livres dele;

3 – Ao ressuscitar, Jesus venceu a morte e tornou possível que todos os homens tivessem a vida eterna.

Louvado seja Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo!
Até amanhã,
Vinícius

F.A.Q. nº 1 – O que a Bíblia nos ensina sobre a condição humana?

Saiba mais sobre Jesus, o Cristianismo e a Biblia!Quem somos? Por que existimos? Há um propósito para a vida? Por que o mundo está do jeito que está?

Será que a Bíblia pode me esclarecer alguma coisa sobre essas perguntas? Claro que sim! A Bíblia é um livro completo, coeso e coerente capaz de nos conduzir a toda a verdade. Sendo a Palavra de Deus destinada ao homem, a Bíblia nos fala muitas coisas sobre a condição humana. Vejamos:

1. CRIADOS À IMAGEM E SEMELHANÇA DE DEUS

Uma das primeiras e mais belas mensagens da Bíblia relata que todos os seres humanos foram criados à imagem e semelhança de Deus. Quando o Pai nos projetou, decidiu que nos faria segundo a beleza e perfeição que ele mesmo possui! Não somos primatas evoluídos, como tantos insistem em dizer; somos criaturas únicas, expressão inigualável do amor que há em Deus. Não somos fruto do acaso ou de um acidente cósmico; somos resultado de uma ação consciente, proposital e minuciosamente planejada de Deus, e fomos criados tendo como modelo o próprio Criador.

2. DEGENERADOS PELO PECADO

Apesar de planejados e criados dessa forma única, a um certo ponto da caminhada a humanidade saiu da rota que havia sido elaborada para ela. A esse desvio de rota a Bíblia chama pecado, e foi esse tal pecado que deu origem a um fenômeno conhecido como queda ou degeneração. O homem, que havia sido criado intimamente conforme a imagem de Deus, torna-se em uma outra criatura, má e perversa. Todo o seu ser – corpo, alma e espírito – se desfigura e se torna completamente diferente daquilo que Deus havia planejado. O homem pós-queda já não tem mais nada a ver com aquela criatura perfeita que o Pai criara outrora.

3. SEPARADOS DE DEUS

A pior conseqüência da degeneração da humanidade é a morte ou separação de Deus. Ao criar o homem, Deus lhe deu um espírito, que é a parte mais íntima do seu ser, capaz de ter comunhão com o Criador. A queda fez com que o nosso espírito ficasse mortificado, numa espécie de coma que nos impede de qualquer contato mais profundo com Deus.

É por isso que Deus tantas vezes parece distante de nós. É por isso que muitos questionam a sua existência. É por isso que o mundo vai de mal a pior: porque estamos separados, desconectados do Criador que nos dá a vida e que é a razão de existirmos.

É por isso que Santo Agostinho já dizia:“Tu nos fizeste para ti, e o nosso coração está inquieto enquanto não repousar em ti.”

Até amanhã!
Em Cristo Jesus, nosso Salvador,
Vinícius

Nova seção do blog: “F.A.Q.”

Saiba mais sobre Jesus, o Cristianismo e a Biblia!

Graça e paz a todos!

O cristianismo é a religião mais professada no mundo. Jesus, o personagem histórico mais conhecido no mundo. A Bíblia, o livro mais vendido no mundo.

Apesar disso, tenho observado que muita gente sabe muito pouco sobre o Cristianismo, Jesus e a Bíblia. Alguns até falam como se fossem grandes conhecedores, mas pouco entendem além das bobagens que leram em Dan Brown e afins.

Por esse motivo, nos próximos dias postarei, diariamente, respostas para algumas questões interessantes levantadas pela Palavra de Deus. Diferente do que eu geralmente faço, serão posts mais curtos e com uma linguagem menos “técnica”. A proposta é esclarecer alguns aspectos que considero marcantes na doutrina Cristã. Fiquem à vontade para ler e comentar. E divulguem!

O primeiro F.A.Q. sai ainda hoje.

Em Cristo,
Vinícius